Como Tirar Cravos do Rosto sem Marcar a Pele

Eles são provocados por acúmulo de gordura nos poros. Descubra a melhor forma de tirar cravos do rosto.

Conhecidos genericamente como acne, os cravos (mais comuns na pele do rosto, mas que podem ocorrer em qualquer área do corpo) surgem dentro de folículos sebáceos, estruturas onde ficam as raízes dos pelos e as glândulas sebáceas. Estas glândulas são responsáveis pela oleosidade natural da pele e impedem o ressecamento.



As aberturas do folículo, que permitem a excreção do sebo, são os poros. Algumas vezes, no entanto, eles ficam obstruídos (inclusive pelos fios, que podem ser tão fios a ponto de não serem percebidos). Nas aberturas mais largas, mesmo entupidas, a gordura que consegue ser eliminada provoca pontos pretos: os cravos. Normalmente, estes não se tornam espinhas.

tirar cravo do rosto

Nas aberturas mais estreitas, porém, pouca gordura entra em contato com o ar e, assim, não se oxida. Ironicamente, a marca inicial é menor do que a dos cravos. As bactérias que vivem nestes locais e se alimentam do sebo, no entanto, são anaeróbicas (não demandam oxigênio para sobreviver) e encontram o ambiente propício para “crescer e multiplicar”. Assim, surgem as espinhas.

Existem várias condições para a proliferação destes microrganismos. Quando o ambiental é ideal, elas passam a ser prejudiciais, surgindo as pápulas: pequenas protuberâncias avermelhadas e doloridas, sinal de que está ocorrendo uma inflamação. Na verdade, são os anticorpos humanos que provocam os efeitos indesejados, e não as habitantes da nossa pele.

Se a situação estiver muito complicada, surgem as pústulas: pequenos vulcões amarelados acima da superfície da pele (na verdade, eles são apenas bolhas de pus, um sinal de infecção leve). O aspecto, especialmente para os adolescentes, é terrível. Infelizmente, com a chegada da puberdade, 80% dos jovens desenvolvem cravos e espinhas: a explosão hormonal aumenta a produção de gordura e facilita o entupimento dos poros.

No estágio “vulcânico”, por motivos de dor ou de estética (eles são realmente dolorosos e feios), surge uma vontade imensa de espremer os cravos e espinhas, mas esta é a última coisa a ser feita: apenas interromperá um ciclo, que voltará mais intenso. Mas não é o fim do mundo: é possível eliminar “indesejáveis” sem ter de recorrer a procedimentos tão drásticos.

como tirar cravo do rosto sem marcar

Formas de Tirar os Cravos do Rosto

Como diz o ditado, “prevenir é melhor do que remediar”. A melhor maneira de tirar cravos é evitar que eles apareçam (especialmente na manhã daquela festa imperdível). O uso de sabonetes bactericidas duas vezes por dia evita a proliferação excessiva das bactérias (estima-se que haja dez microrganismos para cada célula humana; eles estão ali e muitas vezes para facilitar a nossa vida).

O motivo da ajuda extra dos sabonetes bactericidas (especialmente os que têm ácido salicílico na formulação) é que eles “afinam” a pele, reduzindo as chances de entupimento (menos células, menos “material” para a obstrução). Pode parecer chato, mas o uso de filtros solares também ajuda bastante, já que a luz do Sol tem efeito exatamente inverso, engrossando as camadas da pele.

É importante lembrar que os protetores solares e os sabonetes devem ser preferencialmente produtos em gel, já que os demais apresentam muita gordura na fórmula. Não é um problema para peles normais, mas pode ser uma bomba para quem quer tirar cravos do rosto. Importante: há cosméticos exclusivos para o corpo e para a pele.

Leia também: Quanto Custa um Peeling? Vale a Pena Fazer?

No entanto, parece que todos nós usamos alógica inversa: esquecemos filtros e bactericidas, mas sempre nos lembramos de “receitas infalíveis” para tirar cravos, como cobri-los com creme dental e até com soluções multiuso.

É pouco provável que estes produtos – que, em comum, têm somente a qualidade de serem abrasivos leves – possam causar qualquer efeito sobre as obstruções de gordura – as responsáveis pelos cravos. Por outro lado, causam queimaduras, manchas e alergias justamente na região onde se pretendia promover a uma cura. Na prática, eles aliam grandes manchas a manchinhas menores provocadas pela gordura.

Não é a melhor forma de tirar cravos cobri-los com bandagens e esparadrapos. Como já foi dito, as bactérias responsáveis pela crise independem de oxigênio para sobreviver. O procedimento apenas facilita a vida delas, já que outros germes (desta vez, aeróbicos, dependentes de oxigênio) que atacam estas colônias sofrerão com a medida.

Receitas Caseiras para Tirar Cravo

Alguns casos de cravos demandam intervenção médica e remédios para eliminá-los ou reduzi-los. Em geral, porém, é possível livrar-se dos cravos com algumas medidas simples. Depois das medidas profiláticas – lavar com bactericidas, usar regularmente filtros solares e garantir a hidratação. Depois de limpar e tonificar a pele, uma forma simples para tirar os cravos do rosto é uma simples toalha quente sobre o rosto (tome cuidado com a temperatura). A temperatura levemente elevada irá permitir a redução da gordura, desde que a toalha quente seja mantida por 20 minutos.

Este é um procedimento geral, para toda a pele do rosto (muito importante, já que a maioria dos cravos é invisível a olho nu, até que cause maiores problemas). É possível complementá-lo com massagens circulares em torno dos pontos em que há formação de cravos.

Vale a pena ler: Limpeza de Pele Caseira – Como Fazer?

Utilize um chumaço de algodão nas pontas dos dedos, para evitar atrito entre as unhas e os cravos. Leves pressões de dentro para fora (do nariz para as têmporas e o queixo) ajudarão a remover naturalmente as pequenas imperfeições já instaladas.

Máscaras para Tirar Cravos do Rosto

Máscaras caseiras são boas opções para tirar cravos. Todas elas são válidas, desde que as lesões não sejam moderadas ou graves (quando as aparências da testa e das bochechas ficam parecidas com um ralador de queijo, mas de aparência amarronzada).

Para resolver o problema, uma colher (sopa) de leite desnatado e a mesma medida de gelatina sem sabor são uma boa forma de tirar cravos do rosto. Ponha os dois ingredientes em um potinho, leve a receita para o micro-ondas por dez minutos e espere esfriar para aplica-los no rosto.

O leite deve ser desnatado para não aumentar a quantidade de gordura na pele; a gelatina sem sabor é fonte de colágeno, que melhora a qualidade da vida da pele por igual (inclusive das mucosas). Aliás, o consumo de gelatina também ajuda a promover a saúde da pele, desde que o nível de açúcar não seja excessivo. Experimente suco natural da sua fruta preferida com folhas de gelatina sem sabor.

Uma última receita: duas colheres (sopa) de farinha de aveia integral (aveia em flocos finos, em algumas marcas), uma colher (sopa) de fubá mimoso, uma colher (sopa) de mel e meia maçã pequena cortada em cubos (com a casca).

Não é para comer (apesar de parecer ser uma sobremesa fantástica): aplique abundantemente a mistura no rosto, depois de bater todos os ingredientes no liquidificador até formar uma pasta homogênea. Mantenha por 20 minutos sobre a pele e enxágue o rosto em água morna. É um emoliente e hidratante, além de promover a esfoliar: as células mortas (prato predileto das nossas amigas) e o excesso de gordura.

+ Confira: Espinhas – Como Tratar e Acabar com Elas?

Existem muitas outras receitas caseiras para esfoliar a pele e eliminar os cravos.

Poderíamos citar várias outras fórmulas caseiras, mas não é necessário. Como se vê, os tratamentos naturais envolvem produtos alimentícios. Portanto, lá vai a última notícia: faça uma alimentação adequada.

De nada vão adiantar cremes, loções e visitas a esteticista, se a alimentação estiver cheia de besteiras. Não ingira alimentos gordurosos, frituras e refrigerantes mais de uma vez a cada 15 dias. Tenha uma alimentação mais saudável, visivelmente melhorará sua pele!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *